Cabelos: ombré hair ou mechas californianas?

Mesmo no inverno, alguns tipos de clareamentos nos cabelos ficam bem atuais e na moda. Esse é caso do ombré hair e mechas californianas, que apesar de terem algumas características em comum, essas duas técnicas para deixar os fios mais claros possuem processos e resultados bem diferentes. Por isso, vamos explicar aqui os dois tipos de clareamento, que inclusive muitas famosas têm adotado ultimamente.

 

cabelos rachel bilson
O ombré hair é um clareamento mais suave e pode ser feito por mulheres com todas as tonalidades de cabelos, ou seja, as morenas podem fazer também. Isso porque essa técnica, utilizada por muitas famosas, que significa literalmente cabelo sombreado, não afeta a cor da raiz e vai tornando os fios, sutilmente, mais claros a partir do queixo. Então, o resultado obtido cria uma impressão de degradê, graças aos contrastes entre os cabelos mais escuros e os mais aloirados. Além disso, podem se escolher até quatro tons de clareamentos e não é necessário utilizar descolorantes junto à tintura nos fios, o que é muito bom pois não resseca as madeixas.

Publicidade - LAMG

 

cabelos ombré
Parecida com o ombré hair, a mecha californiana cria uma linha imaginária que separa a cor natural dos cabelos e da coloração. Assim, tem se a impressão que os fios foram queimados pelo sol, dando um ar praiano para quem aplica essa técnica capilar. Entretanto, apesar de não afetar a raiz, as mechas californianas são feitas com água oxigenada, o que exigirá que os fios passem, constantemente, por hidratações a fim de não ficarem ressecados. Além disso, as morenas devem cuidar para que os cabelos não fiquem claros demais e destoem muito da coloração natural delas.

 

cabelos drew barrymore

 

cabelos mechas
Mas, tanto o ombré hair quanto as mechas californianas têm o efeito de iluminar o rosto, deixando a expressão bem mais leve. Os cabelos também ganham muito mais movimento e ficam com um ar moderno e atual. E ai, qual você prefere? Ombré hair ou mechas californianas?

Deixe um comentário